01/12/2019 12h47

Natal dos Folguedos emociona maceioenses e turistas

A abertura da 3ª edição do Natal dos Folguedos emocionou quem estava na orla marítima, neste domingo

Cortejo cultural do Natal de Folguedos encantou os maceioenses e os turistas

Maceió entrou no clima natalino. A abertura da 3ª edição do Natal dos Folguedos emocionou quem estava na orla marítima, nesse domingo (24). Mais de 3 mil participantes de 101 grupos da Cultura Popular desfilaram em cortejo da Praça Gogó da Ema até a Praça Multieventos. Ao final, o acendimento das luzes de Natal na orla coroou o início das celebrações natalinas na capital.

Uma mistura de som, cor e movimento tomou conta do trajeto. A alegria de quem fazia acontecer o cortejo somada ao amor pela cultura local contagiou quem viu as manifestações pela primeira vez. Foi o caso de Graciela Siqueira, que é de Brasília e passa uns dias de férias em Maceió. Ela gravou cada momento no celular. “É muito diversificado e estou encantada com tudo isso aqui, porque nunca tinha visto, aliás, eu nem conhecida Maceió. Já postei em todas as redes sociais”, disse a servidora pública. “Quero aproveitar a cidade ao máximo, recomendarei para todo mundo e voltarei outras vezes com certeza”, garantiu.

Os maceioenses e turistas acompanharam como puderam. Sentados em bancos ou em pé para ver os detalhes. Até meio-fio serviu de assento para as famílias. O importante mesmo era estar à vontade para vivenciar um espetáculo da cultura maceioense e alagoana. Não poderia faltar o celular em mãos e os olhos atentos a cada cor diferente na multidão para guardar e eternizar o ‘rosto’ dos folguedos alagoanos.

Outra que ficou emocionada foi Teresinha de Jesus, moradora do bairro do Farol. A aposentada lembra que mais que um resgate cultural, o ato vivenciou a própria cultura: “É um momento muito especial e emocionante o resgate da cultura daqui em Alagoas. Estamos todos de parabéns por esse movimento que hoje temos o prazer de ver.  Sou alagoana de coração e vejo isso com grande admiração e prazer”.

A alegria estava estampada no rosto de quem estava no meio do cortejo. Rose Mendonça é uma das fundadoras do Maracatu Baque Alagoano e comemorou a participação. “Isso é muito gratificante, pois é uma resposta ao nosso trabalho. A gente vem trabalhando há 12 anos , tentando resgatar o maracatu no estado, e participar de um momento especial e festivo é uma honra. O evento só fortalece a cultura popular e os inúmeros folguedos”, destacou Rose.

 O Natal dos Folguedos é promovido pela Prefeitura de Maceió por meio da Secretaria Municipal de Turismo Esporte e Lazer (Semtel) e da Fundação Municipal de Ação Cultural (Fmac), que lançou o edital de credenciamento destinado à programação cultural e selecionou grupos da Cultura Popular, corais, bandas e artistas solo alagoanos, que vão animar também aos fins de semana até 22 de dezembro. A abertura da programação também contou com o acendimento da iluminação temática de Natal na orla.

O prefeito Rui Palmeira participou do evento e falou da importância da abertura do Natal. “Foi emocionante ver gente de toda idade, que carrega as tradições dos nossos folguedos, mostrando a força da cultura que temos. Nós temos tanta coisa bonita na nossa cultura e estamos mostrando ao alagoano e turista, que ficam encantados. E também tivemos o acendimento das luzes de Natal, a gente antecipou neste ano porque a iluminação é um produto turístico e quanto antes a alta temporada começar é melhor, porque significa mais emprego e renda para o maceioense”, disse o gestor.

 Até chegar à Praça Multieventos, o cortejo passou pela orla com vários tipos de manifestações culturais. Pastoril, Guerreiro, banda de pífano, quadrilha junina e até um forró pé de serra animou quem estava por perto. Vários tipos de crenças fizeram parte, mas uma mensagem em comum ficou marcada: de que o Natal precisa ser de luz e harmonia.
Presidente da Fundação Municipal de Ação Cultural, Vinícius Palmeira ressalta o orgulho por presenciar o resultado de um trabalho de muito esforço: “Contratamos 101 grupos distintos que fizeram um show de cor, imagem, luz, som das nossas tradições populares e encheram a avenida. Fico muito orgulhoso disso, porque é um momento importante em que a gente se enfeita das nossas tradições para abrir o verão e receber da melhor maneira possível quem vem de fora e encantar o mundo com as nossas cores”.

Iluminação de Natal

O cortejo cultural foi encerrado com a chegada do carro alegórico de Nossa Senhora dos Prazeres, interpretada pela atriz alagoana Waneska Pimentel. O público também conferiu a projeção mapeada com homenagens e a história das férias do Papai Noel em Maceió. Outro momento mais esperado foi o acendimento das luzes de natal. Foi com uma contagem regressiva que as luzes da orla anunciaram oficialmente a chegada do clima natalino. Além disso, o público prestigiou as apresentações dos cantores Mácleim e Irina Costa e do Coretfal.

TAGS:

Deixe o seu comentário